3 Dicas para definir uma nova carreira

March 21, 2017

Tenho atendido clientes que, nestes tempos de crise, perderam seus empregos. Mas tenho outros que, independentemente da crise, perderam o gosto pelo que fazem. E ainda, outros que, simplesmente, querem mudar, seja por necessidade de desafios, de realização, de dinheiro, etc. Enfim, os motivos são diversos, mas a maioria tem uma coisa em comum:

 

Não conseguiram ainda definir o que fazer!

 

Quem não sabe para onde ir, não sai do lugar. E, se sai, corre risco de caminhar na direção errada desperdiçando tempo, energia, gerando frustração e perda de esperança. Você foi criado para ser feliz e para ter sucesso, não abra mão disso!

 

 

Então vamos trabalhar? Primeiramente, tenha com você papel e caneta. Você vai precisar! Vou lhe fazer algumas perguntas e peço que confie em mim e neste processo. Tenha foco neste texto agora, não faça outras coisas ao mesmo tempo e responda escrevendo na folha! Por que?

 

  • Porque as perguntas foram elaboradas para interromper sua linha de raciocínio atual e te ajudar a ver além.

 

  • O fato de escrever as respostas vai oferecer ao seu cérebro tempo suficiente para processar as informações, localizar referências e compreender que você está fazendo algo importante.

 

  • Muitas vezes não achamos respostas para nossas perguntas porque nos preocupamos muito com elas, mas não paramos verdadeiramente para responde-las, dando a devida atenção. Esse erro é extremamente comum nos dias de hoje com uma cultura de multitarefa.

 

Se não puder fazer isso agora, guarde o link deste texto e faça depois, mas faça bem feito! Afinal, pode ser somente um pequeno tijolo, mas ele faz parte da construção do seu futuro!

 

Antes das três dicas eu gostaria de lembrar dois pontos importantes, mas que já são parte do seu autoconhecimento e da identificação de sua situação atual:

 

1 – É importante que você entenda o real motivo pelo qual você quer mudar. Saber o que te incomoda hoje vai fazer com que você se dê a oportunidade de avaliar o que seria melhor: Resolver o que está atrapalhando? Ou partir para uma transição de carreira? Nossa tendência é não mexer com o que nos incomoda. Mas você não vai querer arrumar uma dor ainda maior, portanto, sua primeira missão é responder na sua folha de papel: Por que eu não quero continuar onde estou?

 

Esse parágrafo é para quem está em busca de uma oportunidade. Neste caso a pergunta passa a ser: Quero continuar fazendo a mesma coisa em outra empresa? Esta pergunta e as três dicas mais abaixo irão te ajudar a discernir se deve focar na função já vinha exercendo ou abrir o leque de oportunidades. Uma demissão pode ser uma grande oportunidade para, finalmente, fazer o que se ama, ou encontrar algo que você goste ainda mais do que o último trabalho.

 

2 -  Já respondeu a primeira pergunta? Então essa pergunta é para quem achou o que incomodava. Olhando para sua resposta, para o motivo de não querer continuar onde está, responda agora: Como eu poderia resolver o que me incomoda? Sua resposta, unida às três dicas abaixo, irá te ajudar a discernir se resgata a paixão por onde está ou se inicia uma busca por algo novo.

 

Agora, para quem entendeu que deve seguir para novos mares, vamos às três dicas que te ajudarão a definir quais as suas melhores opções:

 

1 - Paixão

 

Essa será a sua primeira lista de definição. Escreva uma coluna listando suas paixões, todas as que lembrar. Mesmo que pareça não ter nada a ver com a área profissional. Fotografar, liderar, dirigir, criar textos, manipular equipamentos, pesquisar ...

 

Achar a paixão é importante porque você está definindo algo que vai fazer por muito tempo, na maior parte do seu dia.

 

 

2 - Conhecimento

 

Nessa lista, você vai buscar áreas que você tem conhecimento e autoridade. Não precisa, necessariamente, ser um expert. Inclua ainda áreas que você tem afinidade, ou seja, tem percepção de que conseguiria aprofundar seu conhecimento com facilidade.

 

 

3 - Viabilidade

 

Faça a interseção das duas listas acima, ou seja, quais pontos são paixão e você tem conhecimento. E, desta interseção, pesquise a viabilidade pelos diversos sentidos, por exemplo, mercado de trabalho e remuneração desta área. Essa parte lhe dará um pouco mais de trabalho, pois exige pesquisas no Google, LinkedIn, matérias sobre o assunto, ou seja, tudo o que vai te mostrar se há mercado para o que você quer e se o resultado financeiro é condizente com o que você quer. Lembrando ainda que qualidade na vida profissional não é receber muito, mas fazer o que gosta tendo a remuneração devida.

 

 

Pronto? Não exatamente! Agora você tem uma ou mais opções finais, mas já estão mais apuradas, facilitando a escolha final ou deixando que ela aconteça à medida que você busca sua oportunidade no mercado.  É hora de definir a transição para que seja planejada e realizada com segurança. Sem o devido planejamento e segurança você corre o risco de ficar no meio do caminho. Você pode fazer este planejamento sozinho ou com um profissional. Se você quiser saber um pouco de como foi o meu processo de transição e um pouco da minha história confira o artigo Está difícil de ver luz no fim do túnel?

 

E como mencionei acima:

 

Você foi criado para ser feliz e para ter sucesso, não abra mão disso!

 

 

Te desejo sucesso!

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts

Recomeçar no mercado

November 5, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes

November 5, 2019

October 29, 2019

October 1, 2019

September 17, 2019

Please reload

Arquivo