O óbvio

May 10, 2017

 

Este é o terceiro artigo da série “Aprendi com minha mãe”, uma homenagem às mães, gerando ainda mais gratidão em nossos corações.

 

Quando minha irmã era pequena, ainda aprendendo a falar, aprendeu que um cachorro é um “au au". Então, todo cachorro, independentemente do tamanho virou um au au para ela. Em um passeio a um sítio, ela viu um cavalo, apontou e disse “au au". Tudo com quatro patas passou a ser um au au; cavalo, vaca, boi, ovelha. Até que, aos poucos, minha mãe foi explicando a diferença. Claro que minha irmã não chamou uma mesa de au au, mas no geral, ela errava pelo simples fato de ainda não ser uma especialista no assunto. E, ai de mim se eu ficasse zombando dela, minha mãe me arrancaria o couro. Até porque, não foi diferente quando eu estava aprendendo.

 

Acredito que você já entendeu o que eu quero compartilhar hoje. Você pode ter iniciantes na sua equipe, pessoas que ainda estão aprendendo. E, muitas vezes, eles não reconhecerão o óbvio. Ou seja, o que parece óbvio para você não parece para eles. Para uma criança pequena, parece óbvio que se tem quatro patas é um au au, até que, respeitando o tempo do seu aprendizado e do seu desenvolvimento, vamos ensinando que algumas coisas não são tão simples de classificar.

 

O que é óbvio para você, com sua experiência, não é tão óbvio para as pessoas que trabalham com você, sobretudo os menos experientes.

 

E é seu dever passar o conhecimento, respeitando o tempo de absorção desse conhecimento. Lembre-se do que vimos no primeiro artigo dessa série: as pessoas esperam de você atitudes de liderança, portanto contam com sua ajuda e compreensão, seja você o líder da equipe ou não.

 

Algo que eu considero excepcional é que, aprendendo com os pais, os filhos têm a oportunidade de superá-los em conhecimento.  E, da mesma forma, você tem a oportunidade de formar liderados ainda melhores que você, mesmo que eles comecem com erros gritantes.

 

O óbvio para mim, não é assim tão óbvio para o outro.

 

Eu aprendi com a minha mãe!

 

 

 

Gostou? Fez sentido para você? Então vamos espalhar o bem, compartilhe e marque alguém que vai se beneficiar com este artigo.

 

Te desejo sucesso!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts

Recomeçar no mercado

November 5, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes

November 5, 2019

October 29, 2019

October 1, 2019

September 17, 2019

Please reload

Arquivo